Um sujeito entra num boteco novinho, todo hi-tech, e pede uma bebidinha..
O barman é um robô, que serve um coquetel perfeito e pergunta:
– Qual é o seu QI?
O homem responde:
– Uns 150.
Então o robô inicia uma conversa sobre aquecimento global, espiritualidade universal, física quântica, interdependência ambiental, teoria das cordas, nanotecnologia, e por aí afora…
O cara ficou impressionado, e resolveu testar o robô.
Saiu, deu uma volta e retornou ao balcão.
Novamente o robô pergunta:
– Qual é o seu QI?
O homem responde:
– Deve ser uns 100.
Imediatamente o robô lhe serve um uisquinho e começa a falar, agora sobre futebol, fórmula 1, super-modelos, comidas favoritas, armas, corpo de mulher, e outros assuntos do gênero…
O sujeito ficou abismado. Sai do bar para pensar e resolve voltar e fazer mais um teste.
Novamente o robô lhe faz a pergunta:
– Qual é o seu QI?
O homem dá uma disfarçada e responde:
– Uns 20, eu acho!
Então o robô lhe serve uma cachaça, se inclina no balcão e diz pausadamente:
– E aí mano, e o coringão?