Dois adolescentes encapuzados invadiram na manhã de hoje a Escola Estadual Professor Raul Brasil, em Suzano, região metropolitana de São Paulo e executaram oito pessoas, sendo cinco delas cinco crianças e um funcionário. Após a chacina os dois atiradores se suicidaram.

Há ainda, pelo menos, 17 pessoas feridas internadas em hospitais da região.

A unidade de ensino possui 105 funcionários e 1.067 alunos, distribuídos entre o quinto ano e o ensino médio. A escola fica defronte ao templo religioso da Igreja Messiânica Mundial. Os disparos aconteceram depois das 9h, durante o intervalo das aulas.